Comando para Ignorar Faixa de Opções
Ir para o conteúdo principal

 Detalhe da Notícia Global - Web Part

Obras do novo hospital da Unimed Salto/Itu seguem em ritmo acelerado

27/11/2020 12:44 | Última atualização 27/11/2020 12:44
Obras do novo hospital da Unimed Salto/Itu seguem em ritmo acelerado

Iniciada em maio deste ano, a construção do novo hospital da Unimed Salto/Itu segue com as obras em ritmo acelerado. Ao passar pela Rodovia da Convenção, que liga as duas cidades, já é possível ter uma noção da grandiosidade do novo hospital. Na fase atual já se vê o prédio administrativo e também a montagem da superestrutura do prédio hospitalar, que seguirá até dezembro deste ano.

Com um cronograma rígido, criado durante cerca de dois anos de planejamento, a direção da Unimed Salto/Itu se preocupou em estabelecer e registrar em contrato todos os prazos com a construtora, e tem um escritório de projetos montado exclusivamente para acompanhar o avanço e todos os detalhes das obras. Como todos os recursos financeiros para o empreendimento – cerca de R$ 100 milhões - já foram captados, a chance de atrasos é quase zero, e a previsão é que o novo hospital seja inaugurado em março de 2022.

 

Quer ver mais? Siga nosso canal no YouTube! 

 

Geração de empregos

Além da sua importância para a rede assistencial da região, que ganhará um hospital de ponta, o novo hospital da Unimed Salto/Itu, mesmo antes de sua inauguração, já está gerando empregos. No pico da obra serão 180 colaboradores diretos e mais 250 indiretos.

Já para o início da operação do hospital, prevista para março de 2022, a expectativa é que a Unimed Salto/Itu crie cerca de 200 novos postos de trabalho na assistência, ou seja, em cargos da área de saúde, como enfermeiros e técnicos em enfermagem, entre outros. Esse é o número estimado para a fase inicial, mas pode variar a depender da demanda.

Projeto inovador e sustentável

A Unimed Salto/Itu buscou, para seu novo hospital, os melhores recursos para ter um prédio moderno e que atenda a todos os requisitos de sustentabilidade. A água quente será disponibilizada por placas solares, e haverá a utilização de iluminação natural dentro do hospital para economizar energia, além do reuso de água para áreas externas. Um destaque é a utilização de inteligência artificial nos controles dos grandes equipamentos consumidores de energia, buscando sua melhor relação eficiência versus consumo de energia.

Atualmente, nas obras, é feito o reuso de água da chuva, a destinação adequada dos resíduos, e há um tanque de contenção de cheias. 

Um hospital de ponta para a região

O novo hospital será de alta complexidade e terá 26 mil m² de área construída. “Com o novo hospital iremos dobrar a nossa capacidade de leitos e queremos nos tornar uma referência para a região”, resume o diretor-presidente da Unimed Salto/Itu, Dr Arnaldo Passafini Neto. 

Serão 110 leitos na primeira fase, com capacidade de expansão para até 200 leitos. Inicialmente serão 70 leitos de internação, 20 leitos de U.T.I. adulto, dez leitos de U.T.I. neonatal e dez leitos de Hospital-Dia – para procedimentos de menor complexidade, quando o paciente permanece na unidade por um período máximo de 12 horas. Serão nove salas cirúrgicas, sendo duas para cirurgias ambulatoriais e uma sala híbrida.  

A estrutura contará ainda com Pronto-Atendimento Adulto, com seis consultórios, 14 leitos de observação e oito poltronas de medicação; e Pronto-Atendimento Infantil com três consultórios, sete leitos de observação e seis poltronas de medicação. A emergência também terá os atendimentos adulto e infantil separados, sendo dois leitos para cada. De acordo com Passafini, o novo hospital foi projetado para ser uma referência na região: “A Unimed Salto/Itu vai transformar o hospital não somente em tamanho, mas também em complexidade. Hoje nosso hospital é de média complexidade e por isso acabamos eventualmente transferindo pacientes para outras estruturas. No novo hospital isso não vai mais ocorrer, pois ele terá uma estrutura de alta complexidade com UTI neonatal e capacidade para a realização de cirurgias mais complexas, como as cardíacas, por exemplo”, explica o diretor-presidente.

Além da estrutura, a localização privilegiada do novo hospital – na rodovia da Convenção, próximo aos acessos com a Rodovia Santos Dumont e Dom Gabriel - vai facilitar o acesso de pacientes de outras cidades do entorno de Salto e de Itu. “Hoje já temos uma demanda de cidades vizinhas, cujos beneficiários, mesmo sendo de outras Unimeds, já utilizam nossa estrutura de serviços de pronto-socorro, por exemplo. E a ideia é ampliar esse atendimento”, comenta Passafini. 


Fonte:

Somos Coop
Apcer Ionet

Baixe nosso APP

    ANS Nº 319996